terça-feira, 28 de outubro de 2014

Rádio Clube do Pará: Hugles de volta a ativa comunica ao Pará sobre a arbitrariedade da "Lei do Cabestro", que impede a vice-prefeita Henilda Santos de assumir a Prefeitura de Tucuruí em até 15 dias

video


Rádio Clube do Pará: Hugles de volta a ativa comunica ao Pará sobre a arbitrariedade da "Lei do Cabestro", que impede a vice-prefeita Henilda Santos de assumir a Prefeitura de Tucuruí em até 15 dias


Nesta terça-feira (28), o jornalista Wellington Hugles, de Tucuruí, participou para todo o estado do Pará do “Programa da Clube”, na Rádio Clube do Pará, onde abordou a aprovação da “Lei do Cabresto” por 1o Vereadores de Tucuruí, alterando a atual Lei que garantia a vice-prefeita assumir a prefeitura na ausência do prefeito, a partir de hoje a vice-prefeita só poderá assumir a Prefeitura de Tucuruí, passado 15 dias da ausência do prefeito da cidade.

Tucuruí que já passa por um desgoverno, mesmo com a presença do gestor na cidade, ficará ainda pior, com 15 dias acéfala, sem ninguém para governar!!!!!!

Acompanhe ainda:

sábado, 25 de outubro de 2014

TSE concede direito de resposta a Dilma


TSE concede direito de resposta a Dilma

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Admar Gonzaga concedeu hoje (25) direito de resposta à coligação Com a Força do Povo, que apoia a candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT), no site da revista Veja após divulgação de matéria com acusações a Dilma e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
           
Com o título "Tudo o que você queria saber sobre o escândalo da Petrobras: Dilma e Lula sabiam”, a reportagem, publicada na noite de quinta-feira (23) na internet, cita suposto depoimento do doleiro Alberto Youssef em que ele teria dito que Dilma e Lula sabiam do esquema de corrupção na Petrobras.
     
Pela decisão, o direito de resposta deve ser publicado imediatamente na página da revista na internet. “Concedo a liminar para a veiculação do direito de resposta requestado e, assim, determinar à Editora Abril S.A. que insira, de imediato, independentemente de eventual recurso, no sítio eletrônico da Revista Veja na internet, no mesmo lugar e tamanho em que exibida a capa do periódico, bem como com a utilização de caracteres que permitam a ocupação de todo o espaço indicado”, decidiu o ministro.
    
A decisão sobre o direito de resposta não vale para a edição impressa da revista. O ministro deu prazo de 24 horas para que a Editora Abril apresente sua defesa. (Agência Brasil)

Confira trecho da decisão:

"Forte nesses argumentos, CONCEDO a liminar para a veiculação do direito de resposta requestado e, assim, determinar à Editora Abril S.A. que insira, de imediato, independentemente de eventual recurso, no sítio eletrônico da Revista Veja na internet, no mesmo lugar e tamanho em que exibida a capa do periódico, bem como com a utilização de caracteres que permitam a ocupação de todo o espaço indicado.
  
Com relação à resposta pretendida pelos Representantes, entendo que os textos apresentados não se ajustam ao exercício desse direito, porquanto impregnados de expressões impertinentes, e que assim merecem decotes para não render ensejo a novo pedido de direito de resposta. Isso posto, determino a veiculação do seguinte texto: 

Direito de resposta Veja veicula a resposta conferida à Dilma Rousseff, para o fim de serem reparadas as informações publicadas na edição nº 2397 - ano 47 - nº 44 - de 29 de outubro de 2014. A democracia brasileira assiste, mais uma vez, a setores que, às vésperas da manifestação da vontade soberana das urnas, tentam influenciar o processo eleitoral por meio de denúncias vazias, que não encontram qualquer respaldo na realidade, em desfavor do PT e de sua candidata A Coligação "Com a Força do Povo" vem a público condenar essa atitude e reiterar que o texto repete o método adotado no primeiro turno, igualmente condenado pelos sete ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por terem sido apresentadas acusações sem provas. A publicação faz referência a um suposto depoimento de Alberto Youssef, no âmbito de um processo de delação premiada ainda em negociação, para tentar implicar a Presidenta Dilma Rousseff e o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva em ilicitudes. Ocorre que o próprio advogado do investigado, Antônio Figueiredo Basto, rechaça a veracidade desse relato, uma vez que todos os depoimentos prestados por Yousseff foram acompanhados por Basto e/ou por sua equipe, que jamais presenciaram conversas com esse teor. A Editora deverá ainda juntar aos autos comprovação do cumprimento desta decisão, na forma prevista no art. 58, § 3º, alínea e, da Lei nº 9.504/97.

Notifique-se a Representada para que se defenda, no prazo improrrogável de 24 (vinte e quatro) horas, nos precisos termos do art. 58, § 2º, da Lei nº 9.504/97 e do art. 8º, caput, parte final, da Res.-TSE nº 23.398/2013.

P.R.I.
Brasília - DF, em 25 de outubro de 2014.
Ministro Admar Gonzaga
Relator"

          

Helder dispara com 13 pontos na frente na disputa ao governo do Pará!!!!!


sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Morre aos 61 anos o médico Augusto Sergio Santos de Almeida “Dr. Gugu”

Morre aos 61 anos o médico Augusto Sergio Santos de Almeida “Dr. Gugu”

No início da tarde desta sexta-feira (24), foi a óbito o médico Augusto Sergio Santos de Almeida “Dr. Gugu”, figura conhecidíssima em Tucuruí e região, pelos relevantes serviços prestados a toda a população na área da Saúde, Gugu sempre sorridente atravessa problemas hepáticos, e seguia firme aguardando o transplante de órgão, mais infelizmente desde a última quarta-feira (21), passou mal, e foi internado as pressas na UTI do HRT, tudo foi feito para tentar a manutenção da vida do médico, mas infelizmente em função a sua debilidade, e por estar muito fraco, foi impossível sua reabilitação, morrendo após a falência múltipla dos órgãos.

Gugu sempre foi defensor da alegria e do bom humor, carismático e sempre alegre, transmitia a todos sua fraternidade inigualável de ajuda ao próximo e sua forma impar de ajudar ao próximo.

O médico Augusto Sergio Santos de Almeida “Dr. Gugu”, vai deixar muitas saudades e lembranças pelo fato de ser uma pessoa de grandes amizades.

Seus familiares deverão anunciar nas próximas horas onde será realizado seu velório e quando será o funeral.


No próximo dia 8 de novembro, Gugu completaria 62 anos e muitos planos para bebemorar esta data estava sendo planejados, mas os desígnios de Deus são maiores, e Gugu foi chamado para o paraíso e já se encontra ao lado de Nosso Senhor Jesus Cristo.

O médico Augusto Almeida "Dr. Gugú", segue internado na UTI do Hospital Regional de Tucuruí


WELLINGTON HUGLES
De Tucurí
Foto: Wellington Hugles

O médico Augusto Sergio Santos de Almeida, que fará 62 anos, no próximo dia 8 de novembro, conhecido carinhosamente como Dr. Gugú, contínua internado em estado crítico na UTI do Hospital Regional, seu quadro clínico não teve alterações, mas requer cuidados especiais.


Toda a sociedade tucuruiense, breuense e da região do lago de Tucuruí, estão consternados e unidos em orações pedindo a Deus pela sua recuperação, para que possa seguir seu profissionalismo, e estar junto aos seus familiares e amigos levando sempre o sorriso que lhe é peculiar.